sexta-feira, 30 de abril de 2010

Sugestões


Churchill dizia que era o pior regime, com a excepção de todos os outros. John Keane, em Vida e Morte da Democracia (Edições 70), concorda, traçando uma história da democracia desde os Gregos até hoje. Deixa avisos. Os mesmos que Tocqueville deixou há quase dois séculos: nenhuma democracia sobrevive sem vigilância permanente. Uma lembrança apropriada, sobretudo com evidências destas.
[JPC]

2 comentários:

Margarida disse...

Inevitável.

Pedro Botelho disse...

E evidências destas, também constituirão lembrança apropriada?

Não interessaria de vez em quando virar o disco riscado do Churchill, e espreitar o outro lado da Guerra Santa (que continua a santificar todas as sangueiras, a pretexto do "Novo Hitler" da semana)?

Faixa 1
Faixa 2
Faixa 3
Faixa 4
Faixa 5
Faixa 6
Faixa 7

Faixa 8
Faixa 9
Faixa 10
Faixa 11
Faixa 12
Faixa 13

Faixa 14
Faixa 15
Faixa 16

Faixa 17
Faixa 18
Faixa 19
Faixa 20

Ide e espalhai a boa nova.

:^)

P.S.: A propósito do último programa: desta vez foi o FJV, mas acho que já todos os outros participantes repetiram o mesmo erro, pelo menos uma vez cada um, em diferentes edições do programa (a coisa está a tornar-se uma verdadeira mania dos comentadores televisivos nacionais): "the pursuit of Happiness", não é um direito firmado na Constituição Americana (a compilação de leis de 1789 ainda hoje em vigor); é uma figura de oratória constante da Declaração de Independência (a proclamação de princípios de 1776 que marcou o início da Revolução).