quarta-feira, 12 de maio de 2010

Sugestões


A análise do discurso e dos discursos de Oliveira Salazar na dissertação do mestrado de José Martinho Gaspar. Convém não esquecer:
«Não discutimos Deus e a virtude; não discutimos a Pátria e a sua História; não discutimos a autoridade e o seu prestígio; não discutimos a família e a sua moral; não discutimos a glória do trabalho e o seu dever.»
Era um tempo de certezas...
[FTM]

8 comentários:

C.M. disse...

Agora temos um Tempo de Angústias...

LUIS BARATA disse...

Eram terríveis certezas.

Nuno Martins de Pina disse...

Salazar tinha razão. Deixem o nogma de Deus para trás e pensem na Família.A Família é tudo.Mulheres em casa e machos a trabalhar. Aumenta o emprego.

Margarida disse...

Com licença..., estamos a três de Junho, são quatro, os pilares deste blogue e, na altura em que redijo este veemente protesto, existem quarenta e quatro stalkers, perdão, seguidores à espera de uma actualizaçãozinha que seja...
É que, num devaneio entre a fidelidade e a tradição, aderi ao meo e não assisto ao programa.
Sei o que me contam (o que nem sempre é lá muito bom...)e sobra o que aqui tiverem a caridade de publicar.
Se desistiram (em bloco?!), avisem os fiéis, sim?
Obrigadinha...

BLUESMILE disse...

Falta a voz aflautada e ligeiramente decrépita para se fazer jus ao discurso.

Maria disse...

Margarida, como "seguidora" do programa e do blog, e porque ninguém se dignou a fazê-lo, informo-a que o programa está suspenso até Setembro. Calculo que o blog esteja inactivo pelo mesmo motivo!

Margarida disse...

Obrigada, Maria.
Mas realmente, as excelsas personagens podiam ter 'avisado' os distraídos...
Protocolos e etiquetas démodées, presumo...

Matos disse...

a TVI desistiu de programas de debate politico ? é uma vergonha o rumo da linha editorial da TVI, conseguiram domesticar o canal ... 1º passaram este o o programa roda livre para horários de Merd@, para depois darem a estocada final e acabarem com eles . É triste .